Entrada > Notícias > A sociedade aberta e os seus inimigos | Jornal de Notícias

A sociedade aberta e os seus inimigos | Jornal de Notícias

10 de fevereiro


Karl Popper, num célebre ensaio de cujo título me aproprio neste artigo, ao analisar os sinais genéticos do totalitarismo moderno, sinaliza o anti-humanitarismo ("fechar a porta a todas as ideologias igualitárias, democráticas) e o antiuniversalismo (sustentar a diferenciação entre a própria tribo e as outras) como tendências maiores destes sistemas, por oposição às sociedades abertas, radicadas na razão, na liberdade e na fraternidade entre os homens.

Ver mais

Autor

miguel.carvalho@sc.ipp.pt

Partilhar