Entrada > Notícias > Ximenes Belo visita P.PORTO

Ximenes Belo visita P.PORTO

ISEP

O bispo timorense, Prémio Nobel da Paz, esteve na passada semana no ISEP, escola de Engenharia do Politécnico do Porto


O Instituto Superior de Engenharia do Porto (ISEP) recebeu, no dia 29 de novembro, a visita ilustre de Ximenes Belo, Prémio Nobel da Paz em 1996.

O bispo, administrador apostólico emérito de Díli, veio assistir à defesa de um compatriota seu, estudante de Engenharia Geotécnica no ISEP, cujo projeto final de curso diz respeito a Timor-Leste.

Ximenses Belo foi acompanhado pelo Adido da Educação, Natalino de Jesus Gusmão Soares, reforçando a importância da cultura académica e o apoio aos projetos desenvolvidos pela comunidade timorense.

Recorde-se que Ximenses Belo foi agraciado, juntamente com José Ramos-Horta, com o Prémio Nobel da Paz graças ao trabalho desenvolvido em prol de uma solução pacífica no conflito entre Timor-Leste e a Indonésia. Este prémio permitiu um novo olhar sobre os direitos humanos e reforçou a autodeterminação dos timorenses, que se tornariam a nação mais jovem do planeta em 2002.

Ximenes Belo estudou na Escola Masculina da Missão de Baucau (1956-1960), no Colégio de Ossu (1961-1962) e no Seminário de Nossa Senhora de Fátima, em Díli (1963-1968). Já em Portugal, continuou os estudos e seguiu a vida religiosa nos salesianos (1969-1970). Estudou filosofia no ISET, em Lisboa (1973-1974), e realizou estágios pedagógicos em Fatumaca, Timor (1975), e Macau (1976). Estudou teologia na Universidade Católica Portuguesa, em Lisboa (1977-1979), e licenciou-se na Universidade Pontifícia Salesiana de Roma (1979-1981). Foi ordenado sacerdote em 1980, em 1981 era Mestre de Noviços, em 1983 foi nomeado Administrador Apostólico de Díli e, em 1988, foi ordenado bispo (1988-2000).

É autor de diversas obras. Entre elas, Demi Perdamaian da Keadilan (Jacarta, 1997), The Voice of the Voices (Jacarta, 1997), Paz (Porto, Edições Salesianas, 1998) e Cartas Pastorais Anuais de 1993 a 2000.

Autor

CCIC | P.PORTO

Partilhar