Entrada > Notícias > Segurança alimentar pela voz das empresas certificadas

Segurança alimentar pela voz das empresas certificadas

ESTG

O Mestrado em Gestão Integrada da Qualidade, Ambiente e Segurança organizou a 30 de abril o workshop Food Safety @ ESTGF.


O Mestrado em Gestão Integrada da Qualidade, Ambiente e Segurança organizou, no passado dia 30 de abril, o workshop Food Safety @ ESTGF com o objetivo principal de abordar os Sistemas de Gestão e as respetivas normas inerentes à Segurança Alimentar, onde estiveram presentes vários estudantes, ex-estudantes e profissionais interessados na temática da segurança alimentar.

Food Safety é um conceito que ganhou maior dimensão e importância após a obrigatoriedade de implementação no setor alimentar do Sistema HACCP (Hazard Analysis Critical Control Points) que se traduz numa garantia para o consumidor final. Os trabalhos no Auditório Nobre da Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Felgueiras iniciaram com a Engenheira Graça Marques, responsável da Qualidade, Ambiente e Segurança na Bicafé – Torrefação e Comércio de Café, Lda., que apresentou os Sistemas de Segurança Alimentar utilizados na empresa.

Seguiu-se o diretor da Qualidade na Amorim & Irmãos, SA., Dr. João Vasco e Almeida que apresentou o Sistema de Gestão Integrado, desta empresa que foi pioneira na obtenção dos primeiros certificados FSC® de cadeia de custódia na indústria da cortiça. O primeiro painel contou ainda com o Engenheiro Nuno Soares, responsável de Produção e Qualidade da Vanibru, Comércio de Produtos Alimentares, que partilhou para a plateia a sua perspetiva sobre as vantagens da Norma FSSC 22000 relativamente à ISO 22000.

O segundo painel teve início com o testemunho de duas pessoas representantes da Propeixe, OP, a Engenheira Elisabete Nunes responsável de Segurança Alimentar e Sílvia Teixeira, responsável de produção, ambas deram a conhecer a implementação de Sistemas de Segurança Alimentar na indústria do pescado congelado, com exemplos reais e ilustrações elucidantes de todo o processo de produção existente na empresa. O workshop terminou com a intervenção da Engenheira Andreia Magalhães, diretora executiva da APCER Agri&Food, que partilhou a evolução da certificação e quais as principais tendências numa perspetiva futura.

A coordenação do mestrado agradece a todos os ilustres convidados que com as suas experiências enriqueceram o workshop.

Autor

miguel.carvalho@sc.ipp.pt

Partilhar