Entrada > Notícias > PDF recebe o Universities of the Future - Igniting Event

PDF recebe o Universities of the Future - Igniting Event

PDF

A Porto Design Factory do Politécnico do Porto organizou a terceira edição deste evento dedicado às Universidades do Futuro


Dia 5 de abril foi a data de arranque do evento Universities of the Future (UoF) - Igniting Event. Organizado pela Porto Design Factory (PDF) do Politécnico do Porto, o evento é uma oportunidade de apresentação do projeto, concentrando no mesmo espaço os vários parceiros, desde instituições públicas, membros da academia e empresas. Durante toda a tarde, mais de 100 participantes acompanharam o debate subordinado ao tema Mudança Digital Colaborativa para um novo enquadramento da Indústria e da Educação.

Depois de uma breve apresentação do Porto Global Hub e da Porto Design Factory por Paulo Ferraz, coordenador do projecto UoF, foi a vez de João Queirós e Teresa Pereira, ambos da PDF, apresentarem os principais objetivos e resultados do projeto.

Jorge Portugal, da COTEC Portugal, entidade responsável pela avaliação da Estratégia Nacional da Indústria 4.0, articulou as metas de projetos como a UoF aos desafios que o país procura superar nesta quarta revolução industrial, especialmente os relacionados com mudanças nos processos de ensino e aprendizagem. Desafios como uma aprendizagem "instantânea", flexível e produtiva ou a necessidade de criar soluções para a aprendizagem ao longo da vida foram fortemente enfatizados.

O evento incluiu ainda um painel de discussão sobre o futuro da educação e do mercado de trabalho na quarta revolução industrial. Com moderação de António Bob Santos, da ANI, um dos parceiros da UoF, esta sessão contou com representantes de três grandes empresas a operar em Portugal — Bosch, Visabeira Global e IKEA (esta última membro do UoF Consortium). Manuel Pereira Lopes, docente do Instituto Superior de Engenharia do Porto (ISEP), escola de engenharia do Politécnico do Porto, expôs as novas metodologias de ensino aplicadas no Mestrado em Engenharia e Gestão Industrial do ISEP, fortemente alinhadas com as necessidades da Indústria 4.0.

O dia foi também dedicado à apresentação de importantes exemplos de colaboração entre empresas e Instituições de Ensino Superior e Unidades de I&D, sublinhando a importância de uma articulação mais robusta no desenvolvimento de processos mais relevantes de ensino-aprendizagem para o mercado de trabalho, atual e do futuro.

O Presidente do Politécnico do Porto, João Rocha, sublinhou o importante papel da Porto Design Factory como laboratório de co-criação e experimentação de novas metodologias, num modelo integrado de formação multidisciplinar, centrado no desenvolvimento das competências exigidas num mundo em constante mudança, e interpelou os parceiros a um maior envolvimento na comunidade aberta e aplicada que a UoF está a desenvolver.

Estiveram ainda presentes Renato Gonçalves, da Nokia Portugal, a apresentar o Digital Innovation Hub IoT e Industria 4.0, do qual faz parte a Startup Porto, e João Borga, da Startup Portugal, apresentando alguns dos desafios que as Startups podem concretizar para apoiar uma mudança de paradigma.

A sessão foi encerrada por João Correia Neves, Secretário de Estado Português da Economia, que destacou o compromisso do governo português com a Estratégia da Indústria 4.0 do país, frisando a importância de uma formação inovadora neste processo.

Autor

CCIC | P.PORTO

Partilhar