Entrada > Notícias > ESTG há 17 anos no Tâmega e Sousa

ESTG há 17 anos no Tâmega e Sousa

ESTG

A Escola Superior de Tecnologia e Gestão celebrou o seu 17.º aniversário numa sessão que contou com uma palestra proferida pelo presidente da ANI.


José Carlos Caldeira, presidente da Agência Nacional de Inovação (ANI), com uma intervenção onde as palavras "inovação" e "conhecimento" foram predominantes, reforçou a importância do trabalho em equipa e da transferência de conhecimento entre setores. O presidente da ANI, na fotografia, defende o reforço na investigação para apoiar as empresas que pretendem de alguma forma se destacarem pela inovação, convicto de que a relação entre empresas e instituições de ensino superior é fulcral, e resultará em profissionais altamente qualificados.

Identificou ainda três vantagens competitividades da Escola Superior de Tecnologia e Gestão: a sua localização, considerando a importância da proximidade à indústria da região; o seu cluster de formação (Tecnologia & Gestão, uma vez mais estando inserida numa região de alta densidade empresarial e industrial; e o trabalho em rede, realçando a importância da ESTG enquanto elo fundamental numa rede organizada de acordo com o conceito de um laboratório colaborativo.

Rosário Gambôa, Presidente do Politécnico do Porto, realçou o crescimento consolidado e sustentado da ESTG, na resposta às necessidades do Tâmega e Sousa. Mencionou ainda a luta pelo funcionamento dos doutoramentos nos Politécnicos. "Não se trata apenas de um desejo corporativo ou de um capricho, tem de ser visto pela sociedade civil como um legítimo direito dos politécnicos em devolverem à sociedade o valor criado, de preferência em projetos que possam ajudar o desenvolvimento do tecido empresarial."

Continuar a ler

Autor

miguel.carvalho@sc.ipp.pt

Partilhar