Entrada > Notícias > Novo pulmão da cidade no Campus 1 do P.PORTO

Novo pulmão da cidade no Campus 1 do P.PORTO

Presidência

Quase dois anos após a aprovação do projeto, arrancaram esta terça-feira as obras do futuro Parque Central da Asprela


Os mais de 30 mil estudantes e professores que frequentam as escolas do Pólo Universitário da Asprela vão, finalmente, ter um grande espaço verde! O projeto, que pretende colmatar uma falha há muito sentida nesta área de grande concentração de serviços académicos e de saúde, vai ser concretizado num espaço situado nas traseiras da Faculdade de Desporto, numa parceria entre a Universidade do Porto, o Politécnico do Porto e a Câmara Municipal do Porto. O empreendimento, que se estima estar concluído em 2022, arrancou esta terça feira, dia 21 de junho e visa dotar a zona de um espaço verde e de lazer, que facilite a mobilidade entre as escolas ali presentes.O ambicioso complexo, vai passar a “ligar” as várias escolas, faculdades e centros de investigação do Politécnico do Porto e da Universidade do Porto.

Projetando-se numa área total superior a 60.000 m2, localizada entre a UPTEC / Escola Superior de Saúde e a Faculdade de Desporto, o futuro parque incluirá centenas de árvores, duas ribeiras e vários espaços especialmente concebidos para passear, estudar ou descansar após um dia de trabalho.

Com um prazo de construção previsto de 570 dias (cerca de ano e meio) e um investimento estimado de 1,64 milhões de euros – assegurado pelas  Águas do Porto através de um financiamento atribuído pelo Fundo Ambiental do Ministério do Ambiente, pelo Politécnico do Porto e pela Universidade do Porto,  - o campus universitário da Asprela “casa” de 3 das 8 Unidades Orgânicas do P.PORTO: o Instituto Superior de Engenharia do Porto (ISEP) a Escola Superior de Saúde (ESS) e a Escola Superior de Educação (ESE), a que se juntam o Porto Research, Technology & Innovation Center | PORTIC e os Serviços Comuns do P.PORTO, apresenta-se hoje como o novo “pulmão verde” da cidade.

Recordamos que o Pólo da Asprela contempla uma área de cem hectares, limitada pela VCI, a Circunvalação e a A3. Concentra um vasto número de instituições de ensino superior e outros serviços públicos como o Hospital de S. João e o Instituto Português de Oncologia, geradores de um movimento diário de 45 mil pessoas. 

Autor

GCDI | P.PORTO

Partilhar