Entrada > Notícias > Movimento #Tech4COVID19

Movimento #Tech4COVID19

Presidência

Milhares de pessoas de diferentes especializações e empresas juntaram-se com um objectivo comum: serem mais rápidas do que o vírus


Dos grandes obstáculos nascem a força e a vontade de os superar. Uma força maior do que a soma das partes que desafia a criatividade, a disponibilidade e a solidariedade. Os portugueses, quando chamados a lutar por si e pelos seus, nunca desapontaram e, perante um novo inimigo comum, as soluções urgem e os esforços unem-se. É assim que nasce o movimento #Tech4COVID19.

E se na linha da frente estão os profissionais de saúde, que merecem o mais sincero e comovido agradecimento colectivo, este movimento pretende, através das mais variadas competências, apoiar e agilizar o combate ao vírus por meios tecnológicos. Em poucos dias, uma conversa informal entre fundadores de startups tecnológicas portuguesas transformou-se numa equipa de 3.600 pessoas e 250 empresas a trabalhar com o mesmo desígnio — unir o talento português no desenvolvimento de soluções que permitam ao país ultrapassar este desafio, paradoxalmente gigante e invisível.


Até ao momento são 27 os projetos em curso, que passam pela procura de alojamento para profissionais de saúde, a angariação de fundos para a compra de ventiladores e outros equipamentos, vídeos e consultas grátis, serviço de entregas, informação técnica criada por médicos, recolha de doações de equipamentos de proteção individual, entre muitas outras. O número de voluntários, felizmente, não pára de aumentar e, como tal, as soluções apresentadas serão também cada vez mais. O movimento tem equipas a trabalhar 24 horas por dia em soluções para mitigar as consequências desta pandemia.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, e o Presidente do Politécnico do Porto, João Rocha, são dois dos apoiantes deste movimento.

Autor

CCIC | P.PORTO

Partilhar