Entrada > Notícias > Prémio PRIMUS INTER PARES

Prémio PRIMUS INTER PARES

Estão abertas as candidaturas para a nova edição do Prémio PRIMUS INTER PARES


O Prémio Primus Inter Pares (PPIP) é uma iniciativa do Banco Santander Totta e do Jornal Expresso cujo objetivo é contribuir para o desenvolvimento de uma cultura de rigor, de profissionalismo e de excelência na gestão de empresas, através da concessão de oportunidades privilegiadas para formação académica complementar, internacional e nacional, aos três finalistas do último ano do curso de mestrado (2.º ciclo de estudo) na sequência de uma licenciatura em Gestão de Empresas, Economia ou Engenharia ministrado por universidade, faculdade ou Instituição de Ensino Superior que confira esse grau de ensino, que o júri do prémio entenda distinguir em cada ano entre os respectivos candidatos.

Este prémio universitário consistente no pagamento, em benefício dos três primeiros classificados, dos custos de matrículas e propinas inerentes à frequência de um MBA, em prestigiadas 
business schools nacionais ou internacionais, tendo direito de preferência entre os cursos disponíveis e, por este ordem, o primeiro e o segundo classificados. Dos três MBA escolhidos, dois deles deverão ser efectuados numa universidade portuguesa.

A originalidade deste prémio consiste no seu processo de seleção.

Este tem como base, não só a classificação académica do aluno, mas também, e sobretudo, outras competências cada vez mais valorizadas na sociedade do conhecimento, como as capacidades de liderança, de iniciativa e de trabalho em equipa. Após uma  primeira triagem feita através da avaliação curricular, é realizado um assessment prático conduzido por uma consultora de recursos humanos. A última etapa, entre os cinco finalistas, consiste numa entrevista pessoal com um júri de elevado nível de exigência: Francisco Pinto Balsemão, presidente do grupo Impresa, António Vieira Monteiro,  presidente executivo do Banco Santander Totta, António Vitorino, jurista, Estela Barbot, empresária, e Raquel Seabra, vencedora da 2.ª edição do PPIP.

Regulamento

Autor

gabriela.pocas@sc.ipp.pt

Partilhar