Entrada > P.PORTO TV > Internacional

Internacional

A P.PORTO TV pretende divulgar conteúdos videográficos direcionados para a comunidade do Politécnico do Porto, bem como reforçar as ligações existentes entre as Escolas e os Serviços de Presidência, aproximando-os dos antigos alunos, das empresas e de outras instituições de ensino superior.

_________________________________________________________

Decorreu, dia 30 de janeiro, a receção a 50 servidores (docentes e não docentes) do Instituto Federal Farroupilha. A reitora do IFFarroupilha, Carla Jardim, e o pró-reitor Arthur Frantz acompanharam a comitiva de servidores que vieram estudar em Portugal no Mestrado de Educação no ramo de Administração de Organizações Educativas e Educação de Adultos da Escola Superior de Educação (ESE) do Politécnico do Porto.

O III Fórum da Internacionalização e Mobilidade do Politécnico do Porto (FIMIPP), que decorreu no dia 19 de dezembro, no ISEP, foi palco de debate das estratégias de internacionalização da instituição. Foi ainda entregue o Prémio de Boas Práticas em Internacionalização e Mobilidade (BPIM).

Carlos Ramos, Vice-Presidente do P.PORTO, liderou, no dia 18 de outubro, terça-feira, o evento de apresentação dos projetos das cinco estudantes que desenvolveram as suas teses graças à parceria entre o Politécnico do Porto e algumas universidades da Coreia do Sul, parceria da qual o projeto EKRUCAmI é o melhor exemplo.



Elementos do Ministério da Educação do Brasil (MEC) e do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (CONIF) visitaram, no dia 10 de outubro, centros de investigação do Instituto Superior de Engenharia do Porto (ISEP), a Porto Design Factory (PDF) e o Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto (ISCAP). 

Organizada pelo Centro de Estudos Interculturais (CEI) do Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto, do P.PORTO, esta conferência juntou profissionais orientais/ocidentais, provenientes de instituições de investigação e académicas, para descrever e avaliar áreas de cooperação atuais ou possíveis, assim como partilhar experiências sobre a mobilidade de estudantes e funcionários/professores, parcerias estratégicas, diplomas e graus conjuntos, cursos de verão, comunicação intercultural entre instituições, adaptabilidade cultural, networking e cooperação em investigação científica.