Entrada > Ensino > CURSOS > tesp > ISCAP > Ctesp de Gestão de Tecnologias Para a Inovação

Ctesp de Gestão de Tecnologias Para a Inovação

Os cursos técnicos superiores profissionais (TeSP) são uma nova oferta de cursos superiores com a duração de 4 semestres letivos (120 ECTS), incluindo estágio de 1 semestre letivo (30 ECTS). A sua conclusão confere um Diploma de Técnico Superior Profissional, com qualificação de nível 5 do Quadro Nacional de Qualificações. No Instituto Politécnico do Porto (P.PORTO), a partir do ano letivo 2017 /2018 (inclusive). a candidatura através dos Concursos Especiais por titulares de DET e de CTeSP está sujeita à comprovação da realização dos exames nacionais do ensino secundário correspondentes às provas de ingresso exigidas para o ingresso no ciclo de estudos em causa, através do regime geral de acesso e ingresso, e à obtenção nesses exames de uma classificação não inferior à classificação mínima fixada.

Estão dispensados da realização dos exames nacionais do ensino secundário para candidaturas através dos Concursos Especiais os titulares de um diploma de técnico superior profissional, emitido pelo P.PORTO, que faculte o ingresso no ciclo de estudos de licenciatura do P.PORTO a que se pretendam candidatar, com creditação parcial da formação realizada.

Os Técnicos Superiores Profissionais em Gestão de Tecnologias para a Inovação serão os profissionais que, de forma autónoma ou integrados em equipas, serão responsáveis por conceber, planificar e superintender programas de incorporação das Tecnologias da Informação e da Comunicação em Produtos e Processos Organizacionais. Assumindo um papel preponderante na definição das necessidades, negociação com os prestadores de serviços e na gestão dos acordos de nível de serviço. Os técnicos Superiores Profissionais em Gestão de Tecnologias para a Inovação serão nas organizações, particularmente nas Pequenas e Médias Empresas, os primeiros responsáveis pela gestão das tecnologias e sistemas de informação.

Local:

Centro Empresarial de Matosinhos ( São Mamede de Infesta )

 

Diurno
Número: R/Cr-268/2015
Data:
22/06/2015
N.º Despacho/Portaria: Despacho n.º 5697/2016 (2ª Série)
Data:
03/05/2016
1º Ano
Unidade curricular Período ECTS
Aplicações Informáticas I 1º Semestre 6.0
Português 1º Semestre 6.0
Matemática 1º Semestre 6.0
Inglês 1º Semestre 6.0
Elementos de Contabilidade 1º Semestre 6.0
Contratação e Acordos de Nível de Serviço 2º Semestre 6.0
Gestão Empresarial 2º Semestre 6.0
Direito Empresarial 2º Semestre 6.0
Gestão de Sistemas de Informação Empresariais 2º Semestre 6.0
Aplicações Informáticas II 2º Semestre 6.0
2º Ano
Unidade curricular Período ECTS
Pensamento Contemporâneo e Desenvolvimento Regional 1º Semestre 6.0
Inovação Empresarial 1º Semestre 6.0
Gestão de Projectos Tecnológicos 1º Semestre 6.0
Laboratório Digital 1º Semestre 6.0
Comércio Electrónico 1º Semestre 6.0
Estágio 2º Semestre 30.0
  • O Técnico Superior Profissional em Gestão de Tecnologias para a Inovação será responsável por conceber, planificar e superintender programas de incorporação das Tecnologias da Informação e da Comunicação em Produtos e Processos Organizacionais, tendo em conta as seguintes saídas profissionais:
  • - Técnico Superior Profissional de tecnologias para a Inovação;
  • - Gestor de Tecnologias;
  • - Supervisor no suporte técnico a utilizadores dos sistemas informáticos;
  • - Supervisor de programas de incorporação das Tecnologias da Informação e da Comunicação em Produtos e Processos Organizacionais;
  • - Supervisor no suporte às tecnologias, como forma de potenciar a inovação de processos e produtos;
  • - Gestor de Projetos Tecnológicos.

Podem candidatar-se aos Cursos Técnicos Superiores Profissionais:

a) Os titulares de um curso de ensino secundário ou de habilitação legalmente equivalente;

b) Os estudantes aprovados nas provas especialmente adequadas destinadas a avaliar a capacidade para a frequência do ensino superior dos maiores de 23 anos, realizadas, para o curso em causa, nos termos do Decreto-Lei n.º 64/2006, de 21 de março;

C) Os titulares de um diploma de especialização tecnológica, de um diploma de técnico superior profissional ou de um grau de ensino superior que pretendam a sua requalificação profissional.