Entrada > Ensino > CURSOS > mestrados > ESS > Mestrado em Terapia Ocupacional - Opção em Reabilitação Física

Mestrado em Terapia Ocupacional - Opção em Reabilitação Física

Este Ciclo de Estudos foi desenvolvido para responder às necessidades dos Terapeutas Ocupacionais que desejam desenvolver competências específicas avançadas adequadas às funções que a sua área de especialização exige.

TO EM REABILITAÇÃO FÍSICA

Esta formação especializada do mestrado em Terapia Ocupacional oferece a possibilidade de obter uma qualificação académica e profissional na área da Terapia Ocupacional em Reabilitação Física de adultos. Esta qualificação adquirida mediante um processo de ensino aprendizagem avançado, aprofundado e integrado, e através da aquisição de competências teórico práticas de raciocínio clínico baseadas na evidência, visa uma maior qualidade na prestação de serviços da Terapia Ocupacional. Assim o programa enfatiza a otimização do desempenho ocupacional e o impacto ambiental na participação e envolvimento ocupacional de pessoas com disfunções neuro-musculo-esqueléticas.

 

Diurno
Número: R/A-Ef818/2011/AL01
Data:
12/12/2016
N.º Despacho/Portaria: Despacho n.º 1361/2017 (2.ª Série),
Data:
08/02/2017
Unidade Ano Período
Temas Aprofundados em Terapia Ocupacional 1 1º Semestre
Metodologias de Investigação em Terapia Ocupacional 1 1º Semestre
Evidência em Terapia Ocupacional - Reabilitação Física 1 2º Semestre
Opção - Intervenção Escolar 1 2º Semestre
Opção - Empreendedorismo e Inovação Social 1 2º Semestre
Opção - Tecnologias de Apoio 1 2º Semestre
Opção - Família e Cuidado Informal 1 2º Semestre
Opção - Desenvolvimento Comunitário 1 2º Semestre
Seminários de Integração 1 2º Semestre
Proj. de Intervenção em Terapia Ocupacional/estágio Natureza Profis. - Projeto de Intervenção em Terapia Ocupacional 2 Semestral
Proj. de Intervenção em Terapia Ocupacional/estágio Natureza Profis. - Estágio de Natureza Profissional 2 Semestral
Não aplicável

Destinatários

Titulares do grau de Licenciatura Bietápica, da Licenciatura em Terapia Ocupacional, ou equivalente legal;

Titulares de um grau académico superior estrangeiro, nas áreas da saúde ou de áreas afins, conferido na sequência de um 1º ciclo de estudos organizado de acordo com os princípios de Bolonha por um Estado aderente a este Processo;

Titulares de um grau académico superior estrangeiro que seja reconhecido como satisfazendo os objetivos do grau de licenciado em Terapia Ocupacional pelo Conselho Técnico-Científico da Escola;

Detentores de um currículo escolar, científico e profissional, que seja reconhecido como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos pelo Conselho Técnico-Científico da Escola.