Entrada > Ensino > CURSOS > licenciaturas > ISEP > Licenciatura em Engenharia Informática

Licenciatura em Engenharia Informática

Licenciatura: 3 anos ( 180 unidades ECTS ) Hoje em dia, a Informática é demasiado abrangente para ter uma definição. Inclui a concepção e construção de sistemas de hardware e software; concepção e gestão de redes e sistemas de informação; tratamento, estruturação e gestão de vários tipos de informação; estudos científicos que utilizam computadores; dotar os sistemas de computadores de comportamento inteligente; criação e utilização de comunicações e jogos; etc. A lista é praticamente interminável e as possibilidades são cada vez mais vastas. Segundo a União Europeia, em 2020 faltarão na Europa haverá mais de 750.000 vagas por preencher na área da Informática. Cerca de metade dos novos empregos criados na Europa para licenciados serão na área da Informática e afins. Com a licenciatura em Engenharia Informática, o ISEP forma profissionais altamente competentes, especializados na área da Engenharia de Software, isto é, o estudo e aplicação da engenharia para o design, desenvolvimento e manutenção de software, qualquer que seja o tipo de plataforma (computadores, telemóveis, tablets, consolas de jogos, sistemas embebidos, etc.). A Licenciatura em Engenharia Informática (LEI) foi a primeira licenciatura em Portugal distinguida com a certificação de qualidade EUR-ACE da Ordem dos Engenheiros (2013), reconhecida em toda a Europa, América Latina e Ásia. Esta certificação atesta a qualidade de um dos cursos mais inovadores em Portugal, com uma estrutura baseada nas melhores práticas internacionais, nomeadamente da ACM, IEEE e CDIO Initiative , de que o ISEP é membro, criado pelo MIT e pela Universidade de Chalmers, agrupando mais de 130 das melhores escolas de Engenharia a nível mundial. Tendo uma orientação prática, focada na Engenharia, os licenciados da LEI adquirem durante o curso sólidas competências teóricas e grande experiência nas melhores práticas internacionais de desenvolvimento de software (Scrum, Software Patterns, Continuous Integration, TDD, etc.).

 

No último semestre, os finalistas desenvolvem o projeto de final de curso em ambiente laboral, tipicamente numa empresa ou num centro de investigação. No ano letivo 2016/2017 foram recebidas mais de 550 propostas de estágios de empresas.

 

Os licenciados da LEI têm acesso garantido ao Mestrado de Engenharia Informática do ISEP, também ele com certificação de qualidade EUR-ACE da Ordem dos Engenheiros. Ou podem candidatar-se a qualquer outro mestrado nacional (incluindo mestrados integrados) ou estrangeiro. Grau conferido Licenciado/a em Engenharia Informática Horários Os estudantes podem optar por frequentar o curso em horários diurnos ou pós-laborais e em regime integral ou parcial. Parcerias Nos últimos anos, os finalistas da licenciatura em Engenharia Informática desenvolveram o projeto final de curso em empresas como a Microsoft , Vodafone , Wipro , Celfocus , Glintt , Xarevision , MyPartner , KonkKonsulting , Critcal Software  e grupos de investigação como o INESC TEC , GECAD , CISTER e CIDES , entre outros. Continuidade de estudos no ISEP Mestrado em Engenharia Informática

 

diurno-horario-pos-laboral
Acreditado por: 11/26/2019 em
27/11/2013

Consultar relatórios em www.a3es.pt

Número: 9119
Data:
01/01/2001
N.º Despacho/Portaria: 12 806/2006
Data:
20/07/2006
1º Ano
Unidade curricular Período ECTS
Álgebra Linear e Geometria Analítica 1º Semestre
Algoritmia e Programação 1º Semestre
Análise Matemática 1º Semestre
Laboratório / Projecto I 1º Semestre
Princípios da Computação 1º Semestre
Engenharia de Software 2º Semestre
Laboratório / Projecto II 2º Semestre
Matemática Computacional 2º Semestre
Matemática Discreta 2º Semestre
Paradigmas da Programação 2º Semestre
2º Ano
Unidade curricular Período ECTS
Arquitectura de Computadores 1º Semestre
Bases de Dados 1º Semestre
Estruturas de Informação 1º Semestre
Física Aplicada 1º Semestre
Laboratório / Projecto III 1º Semestre
Engenharia de Aplicações 2º Semestre
Laboratório / Projecto IV 2º Semestre
Linguagens e Programação 2º Semestre
Redes de Computadores 2º Semestre
Sistemas de Computadores 2º Semestre
3º Ano
Unidade curricular Período ECTS
Administração de Sistemas 1º Semestre
Algoritmia Avançada 1º Semestre
Arquitectura de Sistemas 1º Semestre
Gestão 1º Semestre
Laboratório / Projecto V 1º Semestre
Sistemas Gráficos e Interacção 1º Semestre
Análise de Dados em Informática 2º Semestre
Comportamento Organizacional 2º Semestre
Informática nas Organizações 2º Semestre
Projecto / Estágio 2º Semestre
As licenciaturas ISEP desenvolvem competências e conhecimentos técnicos, científicos e culturais com vista à inovação e exercício profissional, de acordo com o nível 6 do Quadro Nacional de Qualificações . Os diplomados podem assim ingressar no mercado de trabalho ao fim de três anos e solicitar a sua admissão à Ordem dos Engenheiros ou à Ordem dos Engenheiros Técnicos . Perspetivas de carreira Sendo licenciado em Engenharia Informática, podes desenvolver a tua atividade profissional em áreas como o desenvolvimento de software (Web, móvel, jogos, etc.), administração de sistemas e redes, desenvolvimento e administração de bases de dados, etc. Prosseguindo para o Mestrado em Engenharia Informática, podes ainda especializar-te em áreas como a Business Intelligence, Multimédia, Segurança Informática e a Engenharia de Software. São todas áreas com grande oferta de emprego por parte das empresas, tanto na zona do Porto/Norte, como no resto de Portugal e no estrangeiro. É a área com mais empregabilidade no país e na Europa. O selo europeu de qualidade EUR-ACE é garantia que a qualidade do curso é reconhecida em toda a Europa e num número crescente de países espalhado pelo mundo (Rússia, China, América Latina, etc.).   Os licenciados da LEI têm acesso garantido ao Mestrado de Engenharia Informática do ISEP, também ele com certificação de qualidade EUR-ACE da Ordem dos Engenheiros. Ou podem candidatar-se a qualquer outro mestrado nacional (incluindo mestrados integrados) ou estrangeiro.

O acesso ao ensino superior público é coordenado pela Direção-Geral do Ensino Superior e pode realizar-se através das seguintes modalidades: Concurso Nacional de Acesso ao Ensino Superior; Concursos Locais; Regimes Especiais; Concursos Especiais; Reingresso; Mudança de Curso e Transferência.     CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 3135/9119 Licenciatura em Engenharia Informática (200 vagas) Exames nacionais: Matemática A (19) Média do último colocado em 2016: 154,4   Classificações Mínimas Nota de Candidatura: 95 pontos Provas de Ingresso: 95 pontos   Fórmula de Cálculo Média do secundário (65%) + Provas de ingresso (35%)   Preferência Regional Percentagem de vagas: 40% Área de Influência: Aveiro, Braga, Bragança, Porto, Viana do Castelo, Vila Real.     OUTRAS MODALIDADES DE CANDIDATURA   O ISEP também aceita candidaturas aos seus cursos através de: • concursos especiais, incluindo      • concursos para maiores de 23 anos (M23),      • concursos para titulares de cursos superiores; • e dos concursos de mudança de curso, transferência e reingresso. O ISEP organiza um Curso Intensivo de Preparação para Realização da Prova de Matemática, para a prova de M23. Esta formação de 40 horas decorre em horário pós-laboral, entre fevereiro e abril. Inscrições: www.isep.ipp.pt/m23 .   PROPINAS €950/ano (2014/2015). Possibilidade de pagamento faseado e de frequência em regime parcial (€630,50/ano em regime parcial). Para mais informações sobre datas e requisitos de candidatura, por favor consulte a Direção-Geral do Ensino Superior ( www.dges.mctes.pt ) ou contacte a nossa Divisão Académica: info-sa@isep.ipp.pt / 228 340 500. BOLSAS DE ESTUDO  

A informação disponibilizada nesta página não dispensa a consulta do Website de acesso ao ensino superior do Ministério da Ciência e Educação - www.dges.mctes.pt/DGES/pt/Estudantes/Acesso/