Entrada > Ensino > CURSOS > licenciaturas > ISEP > Licenciatura em Engenharia Geotécnica e Geoambiente

Licenciatura em Engenharia Geotécnica e Geoambiente

As questões relacionadas com o estudo, prospeção, transformação e gestão eco-responsável dos georrecursos, geotecnologias, geoambiente e geomateriais são, cada vez mais, um imperativo numa economia circular sustentável.  

A engenharia geotécnica e geoambiente cruza as potencialidades da engenharia e das geociências, aplicando-se à geotecnia das grandes obras de engenharia, à gestão dos recursos naturais, à utilização dos geomateriais e aos riscos geoambientais.  

 

Porquê escolher esta licenciatura?

Forma profissionais capazes de contribuir para:

soluções no âmbito da geoengenharia, das geotecnologias e do geoambiente;

uma gestão sustentável dos georrecursos e dos projetos de proteção geoambiental;

Aposta numa elevada componente experimental através da realização de projetos, análise de estudo de casos, visitas técnicas e trabalho de campo e laboratorial; 

Prepara profissionais para trabalhar em equipas multidisciplinares, habilitados a propor e implementar soluções técnicas criativas, inovadoras e sustentáveis. 

 

 

Mestrados de Continuidade:

Mestrado em Engenharia Geotécnica e Geoambiente

 

Horário:

Diurno

 

Diurno
544 Indústrias extractivas
Número: 9117
Data:
01/01/2001
1º Ano
Unidade curricular Período ECTS
Álgebra 1º Semestre 5.0
Física 1º Semestre 5.0
Geologia 1º Semestre 6.0
Geotecnia e Sociedade 1º Semestre 4.0
Matemática I 1º Semestre 5.0
Química Ambiental 1º Semestre 5.0
Complementos de Física 2º Semestre 5.0
Desenho Técnico 2º Semestre 5.0
Elementos de Computação 2º Semestre 5.0
Georrecursos 2º Semestre 6.0
Laboratório de Geociências 2º Semestre 4.0
Matemática II 2º Semestre 5.0
2º Ano
Unidade curricular Período ECTS
Estatística 1º Semestre 5.0
Extracção e Transformação de Rocha Ornamental 1º Semestre 5.0
Hidrogeologia e Recursos Hídricos 1º Semestre 5.0
Laboratório de Geomateriais e Geoambiente 1º Semestre 6.0
Mecânica dos Solos I 1º Semestre 5.0
Resistência de Materiais 1º Semestre 4.0
Captações, Drenagens e Rebaixamentos 2º Semestre 4.0
Cartografia Geológica 2º Semestre 7.0
Introdução à Gestão 2º Semestre 4.0
Mecânica dos Solos II 2º Semestre 5.0
Métodos Científicos em Engenharia 2º Semestre 4.0
Prospecção Geofísica e Sondagens 2º Semestre 6.0
3º Ano
Unidade curricular Período ECTS
Desmonte de Maciços Rochosos I 1º Semestre 5.0
Geologia de Engenharia 1º Semestre 5.0
Materiais de Construção e Betão 1º Semestre 5.0
Movimento de Terras 1º Semestre 4.0
Processamento de Matérias Primas Minerais e Resíduos 1º Semestre 5.0
Projecto em Engenharia Geotécnica e Geoambiente I 1º Semestre 6.0
Desmonte de Maciços Rochosos II 2º Semestre 4.0
Geotecnia Ambiental 2º Semestre 4.0
Higiene e Segurança no Trabalho 2º Semestre 4.0
Projecto em Engenharia Geotécnica e Geoambiente II 2º Semestre 14.0
Projeto em Obras Rodoviárias 2º Semestre 4.0
  • Saídas profissionais: • Profissão de engenheiro reconhecida em qualquer país europeu (marca de qualidade OE+EUR-ACE)
  •   • Empresas de prospeção, pesquisa, exploração e gestão de georrecursos minerais, de petróleo e gás natural e dos recursos hidrominerais e de águas subterrâneas
  •   • Empresas de obras públicas (estudos geológico-geotécnicos, projetos de escavação, aterros, tratamentos de fundações e instrumentação de obras)
  •   • Empresas de desenvolvimento de software aplicado à geotecnia e geoambiente
  •    • Funções de planeamento, projeto, construção, direção, coordenação e fiscalização de projetos e obras de geoengenharia.     Taxa de empregabilidade: 97,4% 

Concurso Nacional de Acesso ao Ensino Superior 3135/9117 Licenciatura em Engenharia Geotécnica e Geoambiente Provas de Ingresso: Biologia e Geologia (02) + Matemática (16 ou 19)                                ou                              Física e Química (07) + Matemática (16 ou 19) Classificações Mínimas: Nota de Candidatura: 95 pontos Provas de Ingresso: 95 pontos Médias dos últimos colocados nos últimos 3 anos: 2017: 110,3 (1ª fase); 136,8 (2ª fase) 2018: 114,9 (1ª fase); 140,2 (2ª fase) 2019: 113,3 (1ª fase), 142,8 (2ª fase)   Fórmula de cálculo: Média do secundário (65%) + Provas de ingresso (35%)   Preferência Regional: Percentagem de vagas: 30% Área de Influência: Aveiro, Braga, Bragança, Guarda, Porto, Viana do Castelo, Vila Real, Viseu. Outras modalidades de candidatura ( +info aqui ): Concursos para maiores de 23 anos (M23), Concursos para titulares de cursos médios ou superiores; Concursos de mudança de curso, transferência e reingresso; CTeSP Diplomados de vias profissionalizantes do ensino secundário O ISEP organiza cursos de preparação para a realização da prova de Matemática M23. Saiba mais aqui  ou aceda neste site aos separadores «Outras Ofertas Formativas» e «Curso de Preparação de Matemática».   Propinas (2020/21): Estudantes nacionais e equiparados: 697€/ano Estudantes internacionais: 4500€/ano (os nacionais de um estado membro da CPLP beneficiam de um desconto de 25%) (Possibilidade de pagamento faseado e de frequência em regime parcial)  

A informação disponibilizada nesta página não dispensa a consulta do Website de acesso ao ensino superior do Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior - http://www.dges.gov.pt/pt