Entrada > Ensino > CURSOS > licenciaturas > ISEP > Licenciatura em Engenharia Eletrotécnica e de Computadores

Licenciatura em Engenharia Eletrotécnica e de Computadores

Licenciatura: 3 anos ( 180 unidades ECTS ) A engenharia eletrotécnica permite-nos desenvolver equipamentos e sistemas que processam informação, comunicam e interagem com os seres humanos e o meio ambiente. Do desenvolvimento de sensores inteligentes à nanotecnologia e microchips, passando por consolas de videojogos, telemóveis, computadores portáteis, redes sociais e tecnologias wireless ou mesmo nos drones e na robótica para exploração espacial, a engenharia eletrotécnica ajuda-nos a ligar o mundo. Com a licenciatura em Engenharia Eletrotécnica e de Computadores, o ISEP forma profissionais para as áreas dos computadores, robótica e telecomunicações. O curso tem uma forte componente prática e um método de ensino-aprendizagem dinâmico, que desenvolve conhecimentos nas ciências base e explora tendências emergentes ao nível dos circuitos eletrónicos, tecnologias de rede, automação e sistemas digitais. De modo a preparar os licenciados para uma rápida integração no mundo profissional, os finalistas são desafiados a desenvolverem o projeto final do curso em empresas ou grupos de investigação. Recentemente, estudantes de Engenharia Eletrotécnica e de Computadores realizaram projetos sobre veículos subaquáticos, sistemas de controlo para submarinos e robôs futebolistas, sondas estratosféricas, visão artificial, consolas de navegação automóvel, o telecomando da barragem de Fronhas, entre outros exemplos. Grau conferido Licenciado/a em Engenharia Eletrotécnica e de Computadores Horários Os estudantes podem optar por frequentar o curso em horários diurnos ou pós-laborais e em regime integral ou parcial. Parcerias Nos últimos anos, finalistas da licenciatura em Engenharia Eletrotécnica e de Computadores desenvolveram o projeto final de curso em empresas como a EDP , PT , Efacec , Bosch , Evoleo Technologies , Nanium , EngVirtual , Sysadvance , Adira e em grupos de investigação como o INESC TEC e GECAD , entre outros. Protocolo de dupla titulação com a Universidade Tecnológica Federal do Paraná . Continuidade de estudos no ISEP Mestrado em Engenharia Eletrotécnica e de Computadores

 

diurno-horario-pos-laboral
Acreditado por: 7/22/2020 em
22/07/2014
Área CNAEF:

Consultar relatórios em www.a3es.pt

Número: 9112
Data:
01/01/2001
N.º Despacho/Portaria: 12 806/2006
Data:
20/07/2006
Unidade Ano Período
Álgebra Linear e Geometria Analítica 1 1º Semestre
Algoritmia e Programação 1 1º Semestre
Física Experimental 1 1º Semestre
Fundamentos da Engenharia Electrotécnica 1 1º Semestre
Laboratórios de Matemática 1 1 1º Semestre
Matemática I 1 1º Semestre
Desenvolvimento de Aplicações Computacionais 1 2º Semestre
Electromagnetismo 1 2º Semestre
Electrónica I 1 2º Semestre
Laboratórios de Matemática 2 1 2º Semestre
Matemática II 1 2º Semestre
Teoria dos Circuitos 1 2º Semestre
Electrónica II 2 1º Semestre
Estatística 2 1º Semestre
Sinais e Sistemas 2 1º Semestre
Sistemas Digitais I 2 1º Semestre
Vibrações e Ondas 2 1º Semestre
Máquinas Eléctricas 2 2º Semestre
Sistemas Computacionais 2 2º Semestre
Sistemas Digitais II 2 2º Semestre
Telecomunicações 2 2º Semestre
Teoria dos Sistemas 2 2º Semestre
Comunicação de Dados 3 1º Semestre
Electrónica de Potência 3 1º Semestre
Electrónica de Potência 3 1º Semestre
Sistemas de Energia e Energias Renováveis 3 1º Semestre
Sistemas de Instrumentação 3 1º Semestre
Sistemas Electromecânicos 3 1º Semestre
Gestão 3 2º Semestre
Laboratório de Sistemas 3 2º Semestre
Projeto / Estágio 3 2º Semestre
Automação e Controlo (opcional) 3 2º Semestre
Comportamento Organizacional (opcional) 3 2º Semestre
Comunicações por Satélite (opcional) 3 2º Semestre
Interacção e Multimédia (opcional) 3 2º Semestre
Interligação e Gestão de Redes (opcional) 3 2º Semestre
Sistemas de Telecomunicações na Aeronáutica (opcional) 3 2º Semestre
As licenciaturas ISEP desenvolvem competências e conhecimentos técnicos, científicos e culturais com vista à inovação e exercício profissional, de acordo com o nível 6 do Quadro Nacional de Qualificações . Os diplomados podem assim ingressar no mercado de trabalho ao fim de três anos e solicitar a sua admissão à Ordem dos Engenheiros ou à Ordem dos Engenheiros Técnicos . Os licenciados ISEP têm vaga assegurada no respetivo mestrado, no ano seguinte à conclusão do curso. Perspetivas de carreira Sendo licenciado em Engenharia Eletrotécnica e de Computadores, podes desenvolver a tua atividade profissional enquanto gestor de projetos em diversas áreas da engenharia eletrotécnica, mecatrónica, automação, telecomunicações, integração de sistemas, sistemas inteligentes e autónomos. Certamente que o teu caminho passará por áreas ligada à gestão, ao desenvolvimento ou melhoria de processos relacionados com computadores, robôs, telemóveis, radares, sistemas de navegação, comunicações por satélite, telecomunicações, televisões, programação de sistemas eletrónicos. Já imaginaste fazer parte dos que desenvolverão a televisão do futuro, a nova geração de telemóveis e de computadores ou que ajudarão a colocar o próximo robô em marte? Nos últimos anos, diplomados do ISEP começaram a trabalhar em empresas que desenvolvem e comercializam produtos elétricos, eletrónicos e informáticos, que gerem a programação de sistemas e redes de computadores, em projetos de automação e controlo industrial e na área dos serviços de comunicações, entre outros exemplos.

O acesso ao ensino superior público é coordenado pela Direção-Geral do Ensino Superior e pode realizar-se através das seguintes modalidades: Concurso Nacional de Acesso ao Ensino Superior; Concursos Locais; Regimes Especiais; Concursos Especiais; Reingresso; Mudança de Curso e Transferência.     CONCURSO NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO SUPERIOR   3135/9112 Licenciatura em Engenharia Eletrotécnica e de Computadores Exames nacionais: Física e Química (07) + Matemática A (19)   Classificações Mínimas Nota de Candidatura: 95 pontos Provas de Ingresso: 95 pontos Fórmula de Cálculo Média do secundário (65%) + Provas de ingresso (35%)   Preferência Regional Percentagem de vagas: 50% Área de Influência: Aveiro, Braga, Bragança, Porto, Viana do Castelo, Vila Real.     OUTRAS MODALIDADES DE CANDIDATURA   O ISEP também aceita candidaturas aos seus cursos através de: • concursos especiais, incluindo      • concursos para maiores de 23 anos (M23),      • concursos para titulares de cursos médios ou superiores; • e dos concursos de mudança de curso, transferência e reingresso. O ISEP organiza um Curso Intensivo de Preparação para Realização da Prova de Matemática, para a prova de M23. Esta formação de 40 horas decorre em horário pós-laboral, entre fevereiro e abril. Inscrições: www.isep.ipp.pt/m23 .   PROPINAS €950/ano. Possibilidade de pagamento faseado e de frequência em regime parcial (€630,50/ano em regime parcial). Para mais informações sobre datas e requisitos de candidatura, por favor consulte a Direção-Geral do Ensino Superior ( www.dges.mctes.pt ) ou contacte a nossa Divisão Académica: info-sa@isep.ipp.pt / 228 340 500.

A informação disponibilizada nesta página não dispensa a consulta do Website de acesso ao ensino superior do Ministério da Ciência e Educação - http://www.dges.mctes.pt/DGES/pt/Estudantes/Acesso/