Entrada > Ensino > CURSOS > CTeSP > ESHT > Curso Técnico Superior Profissional de Operações Hoteleiras

Curso Técnico Superior Profissional de Operações Hoteleiras

O Curso Técnico Superior Profissional em Operações Hoteleiras visa conferir qualificação superior profissional preparando os alunos para planear , gerir e coordenar o departamento de alojamento, organizar, gerir e supervisionar equipas de trabalho, elaborar programas de ocupação do alojamento, gerir e executar operações de produção e serviço do departamento de comidas e bebidas e planear estratégias de marketing para a gestão dos diferentes canais de venda e perfis de clientes..

 

Diurno
811 Hotelaria e restauração
Número: R/Cr-302015
Data:
01/01/2001
N.º Despacho/Portaria: AVISO N.º 10230/2016 (2.ª SÉRIE), 18/08
Data:
18/08/2016
1º Ano
Unidade curricular Período ECTS
INTRODUÇÃO AO TURISMO, HOTELARIA E RESTAURAÇÃO 1º Semestre 3.0
REGRAS E PROTOCOLO EMPRESARIAL 1º Semestre 3.0
CONTABILIDADE APLICADA 2º Semestre 4.0
HIGIENE E SEGURANÇA ALIMENTAR 2º Semestre 3.0
GESTÃO DE ALIMENTOS E BEBIDAS Anual 7.0
GESTÃO DE OPERAÇÕES DE ALOJAMENTO Anual 9.0
GESTÃO E ORGANIZAÇÃO DO SERVIÇO DE ANDARES Anual 6.0
LÍNGUA FRANCESA APLICADA Anual 5.0
LÍNGUA INGLESA APLICADA Anual 7.0
MÉTODOS QUANTITATIVOS Anual 3.0
TÉCNICAS DE COZINHA E PASTELARIA Anual 5.0
TÉCNICAS DE RESTAURANTE E BAR Anual 5.0
2º Ano
Unidade curricular Período ECTS
EMPREENDEDORISMO 1º Semestre 3.0
GESTÃO COMERCIAL E REVENUE MANAGEMENT 1º Semestre 4.0
GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS 1º Semestre 3.0
LEGISLAÇÃO HOTELEIRA 1º Semestre 3.0
LÍNGUA ESPANHOLA APLICADA 1º Semestre 5.0
MARKETING E VENDAS EM HOTELARIA 1º Semestre 4.0
PRINCÍPIOS DE GESTÃO FINANCEIRA 1º Semestre 3.0
TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E APLICAÇÕES DE GESTÃO DE RESERVAS 1º Semestre 5.0
ESTÁGIO 2º Semestre 30.0
  • Recepcionista
  • Chefe de recepção
  • Diretor de alojamento
  • Governante geral
  • Governante de andares
  • Empregado (a) de andares
  • Empregado (a) de lavandaria/rouparia

Podem candidatar-se aos cursos técnicos superiores profissionais: Os titulares de um curso de ensino secundário ou de habilitação legalmente equivalente; Os que tenham sido aprovados nas provas especialmente adequadas destinadas a avaliar a capacidade para a frequência do ensino superior dos maiores de 23 anos, realizadas, para o curso em causa, nos termos do Decreto-lei n.º 64/2006, de 21 de março; Os titulares de um diploma de especialização tecnológica, de um diploma de técnico superior profissional ou de um grau de ensino superior, que pretendam a sua requalificação profissional.